Compartilhe

NFT: o que é, como funciona, para que serve e como lucrar

20 de julho de 2022 10:17
nft_2a7bdecb79.jpg

Compartilhe:

Um token não fungível (NFT) é um tipo de token criptográfico projetado para registrar a propriedade e os direitos de um bem digital, através de contratos inteligentes.

Os NFTs tem uma grande aderência no campo da arte digital, mas já avançam para outras áreas do mercado. Só em 2021, o mercado de NFTs já movimentou mais de 134 bilhões de reais.

Mas afinal o que é NFT? Para que serve, como funciona e quais são as suas potenciais aplicações?

Veja os tópicos que você encontrará neste guia:

  • O que é NFT?
  • Como NFT funciona?
  • Pra que serve um NFT?
  • Qual é a diferença entre NFTs e criptomoedas?
  • Como um NFT ganha valor no mercado?
  • Por que os tokens não fungíveis estão se tornando populares?
  • Quais são os tipos de NFT?
  • Vale a pena investir em NFT?
  • Como comprar um NFT?
  • Como surgiu NFT?

O que é um NFT (token não fungível)?

NFT é a sigla para token não fungível que significa token não copiável, ou seja, algo único que não pode ser substituído por mais nada. Artes digitais, músicas, avatares virtuais, gifs, vídeos e, mais recentemente, tweets, são exemplos de NFTs.

Os NFTs são considerados um tipo de “colecionáveis modernos”, pois geralmente trabalham com a ideia de escassez e autenticidade de praticamente qualquer item do mundo real, como obras de arte, músicas, jogos e coleções de qualquer tipo.

Para entender o que é NFT, considere que é um item com características únicas que possui apenas um proprietário. Isso, consequentemente, torna esse item escasso e valioso.

Por exemplo, enquanto uma criptomoeda pode ser trocada por outra criptomoeda, uma obra ou bem digital é algo único e, portanto, não fungível. 

Quem compra uma obra vinculada a um token não fungível não compra o direito da obra em si, mas simplesmente a possibilidade de demonstrar que possui à obra original, garantido por meio de um contrato inteligente.

O vídeo abaixo pode ajudá-lo a entender melhor o que são os NFTs e como eles podem ser um ativo colecionável de investimento.

Como funciona um NFT?

De modo geral, a maioria dos NFTs residem no blockchain da rede Ethereum, um livro-razão público e distribuído que registra todas as transações de ativos criptográficos, mantendo sob pseudônimo as informações de seu proprietário.

 

Quando o registro de um ativo NTF acontece, o item original, suas especificações e todas as informações referentes ao conteúdo e valor pago são registradas como token único no blockchain para garantir a propriedade do bem original. 

 

Apesar disso, na era da internet e pulverização das redes sociais, é comum que o conteúdo ou print de um NFT circule pela web, por vezes sendo divulgado pelo próprio proprietário como forma de se construir desejo e aumentar o valor do bem.

 

Como qualquer pessoa pode revisar o blockchain, a propriedade da NFT pode ser verificada e rastreada, mas ainda assim a pessoa ou entidade que possui o token permanece anônima. 

 

Após a compra do NFT, o proprietário tem os direitos digitais de revender, distribuir ou licenciar o ativo digital conforme sua conveniência.

 

Pra que serve um NFT?

Pessoas interessadas em negociação de criptomoedas e pessoas que gostam de colecionar obras de arte costumam usar NFTs. Fora isso, tem alguns outros usos também como:

  • Conteúdo Digital - O uso mais significativo de NFTs hoje é em conteúdo digital. Os criadores de conteúdo veem seus lucros aumentados pelas NFTs, pois impulsionam uma economia de criadores, na qual os criadores têm a propriedade de seu conteúdo nas plataformas que usam para divulgá-lo.
  • Itens de jogos - NFTs têm visto muito interesse dos desenvolvedores de jogos. NFTs podem fornecer muitos benefícios para os jogadores. Você pode comprar itens para o seu jogo e, quando terminar, poderá recuperar seu dinheiro vendendo-os.
  • Investimento e Garantias - Tanto NFT quanto DeFi (Finanças Descentralizadas) compartilham a mesma infraestrutura. Os aplicativos DeFi permitem que você peça dinheiro emprestado usando garantias. NFT e DeFi, ambos trabalham juntos para explorar o uso de NFTs como garantia.
  • Nomes de domínio - NFTs fornecem ao seu domínio um nome mais fácil de lembrar. Isso funciona de maneira semelhante a um nome de domínio de site, tornando seu endereço IP mais memorável e valioso, geralmente com base no tamanho e na relevância.

Até celebridades como Snoop Dogg, Shawn Mendes e Jack Dorsey estão se interessando pelo NFT, liberando memórias e obras de arte únicas e vendendo-as como NFTs securitizadas.

 

Qual é a diferença entre NFTs e criptomoedas?

Apesar de NFTs e criptomoedas se basearem na mesma tecnologia blockchain para registro de transações e, por vezes, serem usadas como fins de investimento, NFTs não são moedas. 

 

Ambos, são criados e usados para diferentes propósitos.  

As criptomoedas visam atuar como moedas digitais que armazenam valor, permitindo que você compre ou venda de acordo com a valorização de mercado, por tanto são tokens fungíveis, semelhantes às moedas fiduciárias, como um dólar.

 

Os NFTs criam tokens únicos que mantém a propriedade e os direitos sobre bens digitais originais, que as pessoas podem colecionar ou até mesmo vender por um valor maior do que comprou, caso haja um movimento de grande repercussão e interesse no mercado.

 

Assim também, o contrário acontece.

 

Como um NFT ganha valor no mercado?

Quando alguém compra o token não fungível, ele ganha a propriedade do conteúdo, mas ele ainda pode chegar à Internet. 

 

Dessa forma, um NFT pode ganhar popularidade — quanto mais ele é visto online, mais valor ele desenvolve.

 

Quando o ativo é vendido, o criador original recebe um corte de 10%, com a plataforma recebendo uma pequena porcentagem e o proprietário atual recebendo o restante dessa receita.

 

Assim, há potencial para receita contínua de ativos digitais populares à medida que são comprados e vendidos ao longo do tempo.

 

Por que os tokens não fungíveis estão se tornando populares?

Os NFTs existem desde 2015, mas agora estão experimentando um ressurgimento  graças a vários fatores. Primeiro, e talvez o mais óbvio, é a normalização e excitação das criptomoedas e as estruturas subjacentes de blockchain. 

 

Além da tecnologia em si está a combinação de fandom, a economia dos royalties e as leis da escassez. Todos os consumidores querem aproveitar a oportunidade de possuir conteúdo digital exclusivo e potencialmente mantê-los como um tipo de investimento.

 

Autenticidade é o nome do jogo com NFTs. Os colecionáveis ​​digitais  contêm informações distintivas  que os tornam distintos de qualquer outro NFT e facilmente verificáveis, graças ao blockchain. 

 

Criar e circular colecionáveis ​​falsos não funciona porque cada item pode ser rastreado até o criador ou emissor original. E, ao contrário das criptomoedas, elas não podem ser trocadas diretamente umas com as outras (como cartões de beisebol na vida real) porque não há duas exatamente iguais.

 

Como comprar NFT?

Tendo entendido para que é usado o NFT e suas vantagens específicas sobre outras criptomoedas, você pode querer se aventurar na compra de NFTs. Se sim, você precisará adquirir alguns itens essenciais antes de poder fazer isso;

 

Você precisará de uma carteira digital que permita armazenar suas NFTs e criptomoedas.

 

Então você precisa comprar alguma criptomoeda dependendo de quais moedas seu provedor NFT aceita, provavelmente Ether.

 

Você pode usar plataformas como OpenSea, Coinbase, Kraken, PayPal, etc., para comprar criptomoedas. Então você poderá movê-lo da bolsa para a carteira de sua escolha.

 

Lembre-se de que a maioria das exchanges cobra pelo menos uma porcentagem de sua transação como taxas quando você compra criptomoedas.

 

Onde comprar NFT?

Você pode comprar, vender, negociar e criar NFTs em trocas ou mercados online. O criador ou proprietário atual pode escolher um preço específico. Ou, pode haver um leilão, e você terá que licitar no NFT. 

 

  • Fundation: um mercado com curadoria da comunidade que exige que os criadores sejam convidados por outros criadores que já fazem parte da plataforma. 
  • Nifty Gateway: um mercado focado em arte que trabalha com grandes marcas, atletas e criadores. 
  • OpenSea: Um dos primeiros e maiores mercados onde você pode encontrar NFTs para uma ampla variedade de itens colecionáveis. 
  • Rarible: Oferece uma variedade de NFTs com ênfase na arte. Usa seu próprio token RARI para recompensar os membros.
  • SuperRare: Um mercado que se concentra na curadoria e oferta de arte digital.

O processo de inscrição pode variar dependendo do mercado. 

Geralmente, você compra NFTs usando uma criptomoeda, como o ether (a criptomoeda nativa do Ethereum), embora o preço também possa ser listado em dólares. Dependendo do mercado, pode haver taxas diferentes associadas a cada transação.

 

Investir em NFT vale a pena?

investir_em_nft_vale_a_pena_be2e86bdda.jpg

Investir em NFTs é uma decisão muito pessoal.

 

Se você está pensando em comprar um NFT como investimento, saiba que não há garantia de que ele aumentará de valor. Enquanto alguns NFTs são vendidos por milhares ou milhões de dólares, outros podem permanecer ou perder o valor.

 

Mas se você tiver dinheiro sobrando e possuir o conhecimento necessário para investir e interagir no mercado de finanças descentralizadas, pode valer a pena considerar, especialmente se uma peça tiver significado para você.

 

O importante a destacar é que, o valor de um NFT é baseado inteiramente no que alguém está disposto a pagar por ele.

 

Portanto, a demanda irá direcionar o preço ao invés de indicadores fundamentais, técnicos ou econômicos, que normalmente influenciam os preços das ações e pelo menos geralmente formam a base para a demanda dos investidores.

 

Tudo isso significa que um NFT pode ser vendido por menos do que você pagou por ele. Ou você pode não conseguir vendê-lo se ninguém quiser.

 

Além disso, é importante observar se em seu país local, um NFT também está sujeito a impostos sobre ganhos de capital – assim como quando você vende ações com lucro. 

 

Dito isso, aborde os NFTs como faria com qualquer investimento: faça sua pesquisa, entenda os riscos – incluindo que você pode perder todo o seu investimento – e se você decidir mergulhar, prossiga com uma boa dose de cautela.

 

Quais são os tipos de NFT existentes?

Algumas formas populares de NFT incluem jpegs, gifs, vídeos e, claro, tweets.

 

Quais as características de um NFT?

 

Singularidade

Em uma NFT, os metadados permitem que você descreva a singularidade do ativo, como acontece para uma determinada carteira de identidade, para entender melhor a ideia. 

Simplificando, o NFT consiste em um registro blockchain permanente e inalterável que descreve o que esse único dado NFT representa - um pouco como o certificado de autenticidade que você obteria por uma pintura rara ou o certificado de propriedade do seu próprio carro.

 

Escassez

A escassez é um ingrediente importante na receita que torna o NFT tão atraente. Na teoria econômica, é conhecida a relevância do conceito de escassez em relação ao valor do próprio bem. 

Agora, se por um lado os desenvolvedores têm a liberdade de gerar uma oferta infinita de determinados bens virtuais, por outro o NFT é a ferramenta que permite limitar o número de ativos únicos a apenas uma unidade - banalizando, o copiar-colar não é aplicável, único no mundo digital.

 

Indivisibilidade

Na maioria das vezes, as NFTs não podem ser divididas em denominações menores - elas só podem ser compradas, vendidas e armazenadas inteiras, assim como um Picasso. Na verdade, você não pode comprar o recorte de 10% de uma passagem aérea em seu nome, bem como metade de um cartão de futebol colecionável. O NFT permite que você tenha esse recurso digitalmente.

Mas há pelo menos três outros pontos-chave que podem nos ajudar a entender o potencial do NFT.

 

Propriedade

A NFT faz parte da arquitetura blockchain, e isso torna as coisas muito interessantes quando se trata de propriedade. 

Por exemplo, o NFT pode permitir que você comprove a propriedade intelectual de um conteúdo - um vídeo, um romance, um projeto ou qualquer outra coisa. Onde quer que seu conteúdo seja publicado, ser originalmente representado por uma NFT permite que você mantenha a propriedade, elemento que pode ser verificado por quem recebe ou usa o conteúdo.

 

Transferibilidade

O acima nos leva ao próximo ponto. As NFTs podem ser negociadas livremente em marketplaces equipados com tecnologia adequada - portanto, com uma transferência de propriedade que também se torna irrefutável.

 

Autenticidade

A fraude é um grande problema - afeta tudo, desde arte, ingressos e coleta. 

A associação da arquitetura blockchain com os NFTs permite verificar a autenticidade, elemento de certo interesse se pensarmos, por exemplo, em um potencial comprador do ativo ou em uma pessoa que pretenda utilizá-lo como garantia de um empréstimo.

 

Qual a utilidade de um NFT?

Modernizar o mercado de cobrança, eliminar fraudes na indústria do entretenimento, abrir novas possibilidades no jogo, permitir que alguém comprove a propriedade ou outros direitos sobre ativos reais ou digitais são apenas alguns exemplos.

 

De outros? Imagine aplicações em finanças, com NFTs representando itens de estoque únicos ou faturas digitais "únicas" - elementos que desencadeariam uma revolução, liberando bilhões de valor presos no capital de giro das empresas.

 

Quais projetos de NFT existem hoje?

Estamos vendo cada vez mais clubes esportivos de primeira linha formar parcerias para lançar cartões de jogador tokenizados de vários graus de raridade. E algumas plataformas de interação do usuário estão experimentando inúmeras combinações de casos de uso.

 

Globalmente, existem empresas que estão experimentando NFTs para fornecer aos clientes provas de propriedade e controle de dados pessoais , enquanto outras planejam lançar mercados peer-to-peer para hipotecas e arrendamentos baseados em tokens. 

 

Os NFTs também são usados ​​para gerar conteúdo jornalístico com o objetivo de limitar a disseminação de notícias falsas.

Em última análise, as aplicações são quase ilimitadas e a escassa difusão da tecnologia reside mais na falta de integradores de sistemas capazes de conceber, projetar e implementar as aplicações.

 

Como está o mercado de NFT?

No geral, o ambiente de tokens NFT continua crescendo e 2020 mostrou que a indústria está crescendo - o ano ainda não acabou e o valor dos tokens NFT negociados é mais de 10 vezes maior que o de 2017.

 

Os usuários começam a entender que os NFTs podem representar quase tudo no mundo virtual e podem até estar vinculados ao mundo real.

 

Espere ver mais e mais marcas tradicionais entrando no mundo NFT. Em alguns casos, essas empresas farão parceria com projetos especializados em blockchain para transformar suas visões em realidade.

 

Continuaremos a ver mais melhorias na infraestrutura por trás das NFTs e um esforço renovado para tornar esses ativos atraentes para consumidores não tecnológicos. Uma interface de usuário simples será essencial para permitir sua ampla implantação.

 

Sem prejuízo, provavelmente veremos vários projetos de NFT quebrarem, falharem e queimarem dinheiro - é o preço fisiológico a pagar para ver uma nova tecnologia se espalhar. Mas no final, o valor de sua utilidade prevalecerá.

122268308_1001105267030152_928890732363036411_n.jpg

Tatyana Oliveira

Admiradora do mundo de tecnologia, metaverso e criptomoedas. Empreendedora digital, atualmente atua como gerente de conteúdo no Disruptive Verse e em outros projetos.

Posts recentes

Outras postagens

Logo DisruptiveVerse
Blog
ExchangeBlockchainNFTMetaversoRealidade virtualRealidade aumentada
Sobre

DisruptiveVerse.com é um site de conteúdos e notícias voltado para tudo que é disruptivo e inovador. Somos independentes de instituições financeiras ou qualquer outra empresa e ganhamos dinheiro quando você clica em um link ou algum anúncio postado nesse site.Não recomendamos ou indicamos a compra de nenhum produto, serviço, ativo financeiro, criptomoedas ou qualquer outra coisa. "Não nos responsabilizamos por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes."

© 2022 Disruptive Verse. Todos os direitos reservados.